Resolução "Aprofundar a Democracia, reforçar o Bloco de Esquerda" PDF Imprimir e-mail
07-Jun-2012


  1. A UDP orgulha-se de ter proposto a formação do Bloco de Esquerda, partido/movimento defensor do socialismo, do feminismo, da ecologia, do poder democrático dos povos. Em mais de 13 anos o Bloco alterou o mapa político, criou caminho para uma alternativa no País, conseguiu conquistas sociais e políticas importantes. O Bloco é uma referência para os mais jovens que o têm apoiado, designadamente nas urnas. A UDP que tantos contributos deu ao Bloco na formulação da sua linha e na sua actividade institucional e de massas, compartilha do mesmo modo os pontos altos e os pontos baixos da organização. O BE confirmou-se como uma opção permanente na sociedade portuguesa, desmentindo todos os adversários que profetizaram uma presença breve e conjuntural. Isso só foi possível pela consistência programática, pela unidade na acção das afirmações plurais do Bloco, pela confiança popular que rodeia o partido/movimento.


  1. A UDP bateu-se desde o início do Bloco para que este não fosse uma coligação eleitoral mas um partido novo onde se pudesse exercer o lema de "cada pessoa um voto”. Felizmente assim foi porque hoje muitas e muitas pessoas do Bloco não pertencem às correntes fundadoras. As correntes fundadoras não têm qualquer privilégio ou inerências para cargos ou o que quer que seja, o que acentua a livre candidatura e votação a todos os órgãos e cargos. Como é público e notório as correntes não exercem disciplinas de voto, excepção feita à seita RUPTURA/FER que abandonou. Todos os grupos se organizam livremente no BE. Ora aí está a demonstração da democracia que excluiu o partido monolítico. O resto depende do princípio democrático da vontade da maioria.


  1. O próximo ciclo do BE não está apenas confrontado com o duro combate à política da troika e à necessidade de crescimento político à custa do centrão conciliador, mas também com o facto de se vir a  forjar uma nova liderança bloquista  perante a opinião pública e sob o olhar de todo o mundo do trabalho e do anticapitalismo. As respostas consistentes são plurais e de convergência, coerentes com todo o espaço de aliança presente em todo o percurso do BE. Eventuais saídas individualistas são redutoras.


  1. A UDP saúda o aprofundamento  da democracia participativa no Bloco. A tarefa do envolvimento na vida do partido/movimento do maior número de militantes é, em si, a garantia de enraizamento e renovação do Bloco e mesmo da esquerda popular.

Resolução aprovada na VII Conferência Nacional da UDP
Aprofundar a Democracia, Reforçar o Bloco de Esquerda (em pdf)



 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >

A Comuna

100_anos_convite.jpg

 100 anos da Revolução de Outubro, fazer presente a consciência revolucionária

 A Comuna 34 capa

A Comuna 34 "Luta social e crise política no Brasil" Editorial | ISSUU | PDF

 capa A Comuna 33 Feminismo em Acao

A Comuna 33  "Feminismo em Ação" | ISSUU |PDF

 

  a_comuna_32_capa.jpg

A Comuna 32  "100 ano da I Guerra Mundial e Política Internacional" Editorial Revista PDF | Revistas anteriores

banner_1.png
Newsletter A Comuna






banner_inscrio.png
banner_3.png
© 2020 União Democrática Popular